Artigos: Qual o Sentido do Amor

Artigos

Amor é decisão, não apenas um sentimento.
É dedicação e entrega.
A justiça sem amor, se torna implacável.
A riqueza sem amor, se torna avarento.
A autoridade sem amor, se torna tirano.
O trabalho sem amor, se torna escravo.

Na psicologia, o amor é definido como sendo, não simplesmente o gostar em maior quantidade, mas sim um estado psicológico quantativamente diferente. Isto porque, ao contrário do gostar, o amor inclui elementos de paixão, proximidade, fascinação, exclusividade, desejo sexual e uma preocupação intensa.
Entre as diversas formas de amar, está o amor romântico,
o amor possessivo, o amor cooperativo, o amor pragmático, o amor lúdico, o amor altruísta, o amor platônico, o amor utópico - aquele que todos sonham.
Há tantos amores. Amamos a Deus em primeiro lugar,
amamos nossos pais com grande intensidade, amamos nossos amigos - um amor sem ciúmes com quem dividimos tudo. Amamos de maneira especial um ser, alguém que de repente
surge em nossa vida.
Amor não é se envolver com a pessoa perfeita, aquela dos nossos sonhos. Não existe príncipes nem princesas. Encare a outra pessoa de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas sobretudo também os seus defeitos. O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no
melhor que podemos ser.
O amor é intimidade, paixão e compromisso. É confiança
Mútua, proteção e necessidade de estar perto um do outro, compartilhando experiências, num comprometimento mútuo.
O amor preenche lacunas. Entre as presenças do amor estão nossas Orações, um e-mail com pureza de coração, um presente simbolizando a amizade e gratidão, um pão - um bolo – uma chícara de café - um agasalho que doamos a uma pessoa necessitada, um sorriso, uma palavra de conforto a quem sofre na doença - na dor por perda de um ente querido - na aflição de uma paixão.

Dentre as formas de amar, está o amor incondicional, que significa amor pleno, completo, absoluto, que não impõe condições ou limites para amar. Quem ama incondicionalmente não espera nada em troca. O amor incondicional é generoso, altruísta, perdão, sacrifício, solidário, caridoso e infinito. É o tipo “amor de Mãe” que é dado livremente independentemente do que recebe.
Para os Cristãos, Deus teve um amor incondicional pela humanidade quando entregou Jesus Cristo, seu único filho, para ser sacrificado. Este é o maior, o verdadeiro e único amor, os pilares da nossa vida.
Faça uma reflexão em sua vida e pergunte-se se você exercita o amor incondicional.

Artigo do escritor Jurandir Ribeiro de Souza,
transcrito do seu livro: O Sentido das coisas na Vida.

</